Febre Amarela

(Vacina Stamaril Ins 0,5ml (Feb)

Indicação: Prevenção contra febre amarela.
Contra-indicações:
- Crianças abaixo de 6 meses de idade.
- Indivíduos infectados pelo HIV, sintomáticos e com imunossupressão grave comprovada por exames laboratoriais.
- Pessoas com imunodepressão grave por doença ou uso de medicação, pacientes pós-transplante de órgãos, pacientes com câncer, e pacientes com doenças do timo ou ausência deste.
- Pacientes que tenham apresentado doença neurológica desmielinizante no período de seis semanas após a aplicação de dose anterior da vacina.
- Pessoas com história de reação anafilática relacionada a substâncias presentes na vacina (ovo de galinha e seus derivados, gelatina bovina ou outras).
- Gestantes. Mas, na vigência de surtos, a administração deve ser analisada de acordo com o grau de risco.
- Mulheres amamentando bebês com menos de 6 meses. Se a vacinação não puder ser evitada, suspender o aleitamento materno por 10 dias. Procure o pediatra para mais orientações.
- A vacinação de indivíduos a partir de 60 anos deve ser evitada, a menos que haja risco de infecção.
Doses:
- Rotina: dose única a partir dos 9 meses e até os 59 anos.
- Uma segunda dose pode ser considerada, para as pessoas vacinadas antes dos 2 anos de vida pela maior possibilidade de falha vacinal primária, ou de acordo com o risco epidemiológico.
- Dose fracionada é considerada eficaz e segura, sendo utilizada como estratégia de saúde pública importante na contenção de surtos.
- Para viajantes com exigência da vacinação e apresentação do CIVP, é necessária a comprovação de uma dose, obrigatoriamente a dose plena, aplicada no mínimo dez dias antes da viagem.
- Em situações de risco (municípios onde haja circulação do vírus da febre amarela com registro de casos em humanos), idosos, gestantes e outros grupos de precaução devem ser vacinados, desde que não haja contraindicação.
Via de aplicação: Subcutânea ou intramuscular.
Precisa de receita? Sim.